Descubra como o Meu INSS pode facilitar o seu acesso aos serviços da Previdência Social

Por Redação Azulis

O Meu INSS é uma plataforma digital desenvolvida pelo Governo Federal com a finalidade de facilitar o acesso às informações em relação aos benefícios da Previdência Social. A plataforma permite realizar agendamentos e fazer consultas de forma simples, evitando que o cidadão vá até a agência da Previdência para resolver pequenos problemas (cá entre nós: as longas filas e as horas de espera, uma característica das agências do INSS, não são nada convidativas).

Neste artigo, vamos esclarecer as dúvidas mais comuns sobre o Meu INSS, como se cadastrar e quais são os serviços oferecidos. Confira:

Meu INSS: como funciona

O Meu INSS é um portal na internet que permite que os beneficiários da Previdência Social consultem informações relacionados às suas contribuições e aos seus benefícios junto ao INSS. Para ter acesso aos dados, basta entrar no Portal Meu INSS e se cadastrar. A seguir, explicaremos o passo a passo e como fazer.

Os serviços também estão disponíveis por meio do aplicativo para celulares Android e iOS. Basta buscar por Meu INSS na Apple Store ou na Play Store e baixar o app. No entanto, recomendamos acessar os serviços pelo portal, tendo em vista que o aplicativo tem nota baixa e muitas reclamações nas duas lojas virtuais. Em uma escala que vai de 0 a 5, o aplicativo Meu INSS foi avaliado em 1,8 na Apple Store e 2,5 na Play Store.

Meu INSS: serviços oferecidos

Veja a seguir todos os serviços oferecidos pelo Meu INSS:

  • Pedido de Aposentadorias Urbanas: é possível fazer a consulta do contribuinte urbano. Neste serviço, serão apresentadas duas opções: Aposentadoria por Idade Urbana e Aposentadoria por Tempo de Contribuição. A partir da escolha, o contribuinte pode ter o benefício concedido, acompanhar o andamento do pedido ou ser direcionado para o agendamento ao atendimento presencial.
  • Simulação de Tempo de Contribuição: é a calculadora do INSS. A ferramenta faz busca em todas as informações necessárias nos bancos de dados da Previdência e faz o cálculo para saber quanto tempo falta para o contribuinte se aposentar.
  • Agendamentos ou Requerimentos: é possível solicitar e acompanhar atendimento presencial (agendamento) e a distância.
  • Carta de Concessão: é o documento que comunica ao cidadão sobre a concessão do benefício. A forma de cálculo utilizada para o valor da renda mensal inicial e informações relativas ao banco responsável pelo pagamento.
  • Agendamento de Perícia: serviço de agendamento para a perícia médica.
  • Resultado de Perícia: acesso ao documento em que consta se o segurado foi considerado capacitado ou não para o trabalho. Esse serviço é destinado às pessoas que solicitaram auxílio-doença ou outro benefício por incapacidade de continuar exercendo atividade remunerada.
  • Salário Maternidade: acompanhar o andamento do pedido com o número do protocolo de requerimento.
  • Extrato Previdenciário (CNIS): consultar o histórico de toda a situação contributiva do trabalhador ou aposentado. Pode ser contribuinte individual, doméstico, empregado ou empresário. Para quem é empregado, a consulta permite verificar mês a mês se a empresa está fazendo o repasse da contribuição e os recolhimentos estão feitos de forma adequada.
  • Histórico de Crédito de Benefício: documento utilizado para comprovar que a pessoa recebe benefício do INSS e comprove sua renda mensal.
  • Extrato de Empréstimo Consignado: é um histórico com todos os créditos consignados realizado com desconto no benefício previdenciário.
  • Extrato de Imposto de Renda: é o documento utilizado pelos beneficiários do INSS que precisam fazer a declaração do Imposto de Renda (IR).
  • Consulta Declaração – Consta/Nada Consta: é uma declaração que informa a existência ou não de benefício em seu CPF.
  • Consultar Revisão de Benefício: o cidadão consegue saber se o benefício está listado para revisão. Note que são apenas os enquadrados no artigo 29, inciso II da Lei 9876/76.
  • Encontrar uma agência da Previdência Social: é possível localizar as unidades mais próximas do contribuinte por meio do CEP ou do município.
  • Declaração para o Contribuinte Individual (DRSCI): emissão da Declaração de Regularidade de Situação do Contribuinte Individual (DRSCI). É este documento que comprova que o trabalhador autônomo contribuinte está com situação cadastral regular e com seus recolhimentos em dia.
  • Alterar Dados de Contato: o cidadão pode atualizar os dados de contato (endereço, telefone e e-mail) e incluir um endereço secundário, caso julgue necessário.

Meu INSS: passo a passo de como se cadastrar

Para ter acesso ao portal, basta acessar o site oficial do Meu INSS. No entanto, para obter informações sobre os seus benefícios e desfrutar dos serviços oferecidos, é necessário que o cidadão se cadastre na plataforma.

O cadastro é simples. Vamos explicar o passo a passo de como fazer:

  • 1º Passo: acesse o portal Meu INSS; no canto superior direito há um botão branco com letras azuis escrito “Login”; clique nele.
  • 2º Passo: uma nova aba será aberta, solicitando seu CPF e senha; não preencha ainda, pois aparecerá mensagem de usuário inválido, já que seu cadastro ainda não foi realizado; nesta etapa, apenas clique em “cadastre-se”.
  • 3º Passo: outra página será aberta informando que há 3 formas de se cadastrar no Meu INSS: online, nas agências da Previdência e nos bancos autorizados; como queremos fazer o cadastro online, clique no primeiro botão azul escrito “cadastre-se”.
  • 4º Passo: após isso, preencha os campos solicitados com seus dados pessoais e responda as perguntas que aparecerão nas telas seguintes.
  • 5º Passo: depois de responder as perguntas, será gerada uma senha inicial; memorize essa sequência ou escreva em algum local seguro; e clique no ícone “Meu INSS” logo abaixo.
  • 6º Passo: você será redirecionado para a página inicial do portal Meu INSS; faça o login com seu CPF e a senha inicial; troque a senha para uma de sua preferência; pronto, você está cadastrado.
As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!