Financiamento de imóvel: conheça as condições para contratar

Por Redação Azulis

Em busca de financiamento de imóvel e não sabe por onde começar? Então, você chegou ao lugar certo para tirar suas dúvidas.

financiamento de imóvel

O financiamento de imóvel é a saída que a maior parte da população encontra para realizar o sonho dourado da casa própria. 

Essa afirmação não é exagerada. Afinal, a recente pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2018, revelou que o grande desejo da maioria dos brasileiros é ter um imóvel para chamar de seu. 

No entanto, do sonho à realidade, há todo um percurso a ser seguido antes que as chaves estejam na mão. 

Neste artigo, nós veremos os principais tópicos relacionados à compra do imóvel financiado

Fique por aqui para conferir todas as informações!

Financiamento de imóvel: perguntas e respostas

A já citada pesquisa GEM trouxe outras revelações que nos ajudam a entender o interesse  crescente pelo financiamento de imóvel.

De 2017 para 2018, o percentual de pessoas que tem como sonho a compra de um imóvel aumentou

Isso reflete de certa forma o recente aumento no volume de crédito imobiliário em 2019. Portanto, o contexto é favorável para a compra da casa ou apartamento próprio.

Confira, então, em que consiste essa modalidade de financiamento, as regras e o que fazer para aderir.

O que é financiamento de imóvel?

Financiar um imóvel significa pagar pela sua aquisição de forma parcelada

Na prática, o banco ou financeira quita o valor da propriedade, repassando para o cliente a dívida. 

Por ser um tipo de adiantamento, são cobrados juros, taxas e correção monetária, que variam conforme o tipo de linha de crédito escolhida e a taxa Selic.

É possível financiar 100% de um imóvel?

Embora não seja impossível, é muito difícil que um banco ou financeira conceda o financiamento da totalidade do valor de um imóvel. 

É de praxe que seja cobrada antes uma entrada, normalmente em um valor de, no mínimo, 10% do imóvel

Sendo assim, quanto maior a entrada, menores serão as parcelas e mais fácil será obter a aprovação do financiamento.

Qual é a renda mínima para o financiamento de um imóvel?

As operações de crédito em geral impõem o limite de 30% da renda mensal da pessoa que faz a solicitação. 

Com o financiamento de imóvel não é diferente. Portanto, você só poderá financiá-lo se pelo menos 30% do que você ganha cobrir o valor das parcelas. 

Por exemplo: quem ganha R$ 5 mil por mês teria uma margem de R$ 1,5 mil para cobrir as prestações, dependendo, claro, da tabela adotada e da linha de financiamento.

Quando ele é contratado por um casal, as rendas são somadas, o que amplia a margem de contratação.

Quais são os juros de financiamento de imóvel?

As instituições financeiras em geral, inclusive a Caixa, maior responsável por financiar imóveis no Brasil, trabalham normalmente com as taxas do SFH, o Sistema Financeiro Habitacional. 

Essa taxa, por sua vez, é referenciada pela Selic que, em 2019, passou por uma redução nos principais bancos do país. 

Na nova linha de financiamentos da Caixa, por exemplo, a taxa mensal passou a ser de 2,95% ao ano + IPCA.

De qualquer forma, o Banco Central é a entidade que regula o mercado de financiamento imobiliário. 

Sendo assim, é fundamental acompanhar a evolução das taxas Selic e IPCA, divulgadas de forma permanente no site da instituição. 

Em janeiro de 2020, por exemplo, o IPCA está projetado em 3,47% – conforme o Boletim Focus.

Quais são os melhores bancos para o financiamento?

Todos os grandes bancos brasileiros abrem linhas de crédito para financiar a compra de imóveis. 

Contudo, é a Caixa Econômica Federal a principal instituição financeira do país voltada ao financiamento imobiliário. 

Ela trabalha tanto com o Sistema Financeiro Habitacional (SFH, do qual é gestora) quanto com o Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimos (SBPE).

Hoje, os principais bancos estão cobrando as seguintes taxas de juros, conforme tabela divulgada no portal G1:

Banco

Sistema Financeiro Habitacional (SFH)

Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI) – carta de crédito

Pró-cotista FGTS

Limite do financiamento

Caixa (modalidades tradicionais)

a partir de 7,5% ao ano + TR

a partir de 7,5% ao ano + TR

entre 8,76% e 9,01% ao ano + TR

até 80% do valor para imóveis novos e 70% do valor para usados

Caixa (linha nova, atualizada pela inflação)

a partir de 2,95% + IPCA

a partir de 2,95% + IPCA

não opera

até 80% do valor o imóvel

Banco do Brasil

a partir de 7,4% ao ano + TR

a partir de 7,4% ao ano + TR (na carteira habitacional hipotecária)

9% ao ano + TR (disponível para imóveis novos e usados)

até 80% do valor do imóvel novo ou usado

Itaú Unibanco

a partir de 7,45% ao ano + TR

a partir de 7,45% ao ano + TR

não opera

até 82% do valor do imóvel (tanto para novos como usados)

Bradesco

a partir de 7,30% ao ano + TR

a partir de 7,30% ao ano + TR (na carteira habitacional hipotecária)

não opera

até 80% do valor do imóvel novo ou usado

Santander

a partir de 7,99% ao ano + TR

a partir de 7,99% ao ano + TR

a partir de 7,59% +TR (apenas para imóveis novos)

Até 80% do valor do imóvel (tanto para novos como usados)

Este é um bom momento para financiar imóveis?

Considerando a recente queda nas taxas, talvez se possa dizer que esse é o melhor momento dos últimos anos para financiar um imóvel. 

Se você tem uma reserva que possa servir como entrada, planeje seu orçamento e aproveite essa oportunidade.

Como fazer o financiamento de um imóvel: passo a passo

Veja na sequência como financiar um imóvel em um passo a passo resumido e simples de compreender:

1. Planeje suas finanças

A compra de um imóvel financiado é um compromisso de longo prazo

Sendo assim, é indispensável que você se programe para dar conta da entrada e das parcelas que terá que pagar por alguns anos.

2. Escolha o imóvel

Não deixe de fazer uma ampla pesquisa, considerando preços, localização, número de cômodos e estado geral, caso o imóvel seja usado. 

Leve sempre em consideração o valor que dará de entrada e o saldo restante a financiar.

3. Procure o banco

Uma vez que você saiba o imóvel que quer, será hora de procurar uma linha de financiamento que cubra o seu valor. 

Você pode comparecer pessoalmente a uma agência bancária ou fazer uma simulação online, desde que o financiamento de imóvel esteja disponível pela internet.

Seguindo esses passos, a compra do seu imóvel será muito mais segura e os pagamentos futuros serão liquidados sem sustos. 

Então, ficou claro para você como funciona o financiamento de imóvel? 

Aqui na Azulis, você sempre tem acesso a informações que fazem a diferença em sua vida financeira. 

No nosso portal de conteúdo Vida de Dono, você fica por dentro de dicas sobre finanças e se inspira com histórias de gente que faz acontecer.

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!