Aumento de MEIs bate recorde em primeiro semestre; saiba qual categoria cresceu mais

Por Redação Azulis

No total, foram 892.988 novas formalizações somente no primeiro semestre de 2020

O crescimento no número de microempreendedores individuais bateu recorde no primeiro semestre do ano. No total, foram 892.988 novas formalizações, o que equivalem a 10% a mais em relação ao mesmo período do ano passado, segundo o Portal do Empreendedor. Mas não para por aí: a tendência é que esse número cresça ainda mais.

SAIBA+AZULIS: Guia do MEI: tudo o que você precisa saber para ter sucesso

Ao mesmo tempo em que o número é um sinal de alerta, por ser consequência do aumento do desemprego no país, a taxa da informalidade caiu, indo de 40% para cerca de 37% (menor patamar histórico). A conclusão que se pode chegar é que as pessoas que tinham carteira assinada e perderam vaga no mercado de trabalho encontraram uma atividade e se formalizaram como forma de manter alguns benefícios.

Aposta na comida caseira

Entre as principais categorias de novas adesões, a de “fornecimento de alimentos para consumo domiciliar”, foi a que cresceu mais, registrando 42% novos empreendedores.

Um exemplo é o Bread Barbecue, empresa de delivery de pão de alho recheado que foi aberta durante a pandemia para contornar a crise. O negócio deu certo e hoje eles contam com mais de 4 mil seguidores no Instagram e têm planos para expandir. Quer saber mais dessa história? Confira a matéria exclusiva da Azulis.

Benefícios MEI

Quem é MEI também conta com vários benefícios previdenciários, um dos maiores atrativos para o aumento de formalização nos últimos meses. Eles são:

  • Aposentadoria por idade
  • Aposentadoria por invalidez
  • Auxílio-doença
  • Salário-maternidade

Em termos de benefícios legais e burocráticos, o microempreendedor individual tem seus impostos simplificados, tendo que pagar uma guia mensal no valor entre R$ 50 e R$ 60. Além disso, ele tem direito a:

  • Emitir nota fiscal
  • Produtos e serviços bancários como empresa
  • Crédito com juros menores
  • Vender para o governo
  • Ter CNPJ e Alvará de Funcionamento sem custo

Confira o que é preciso para ter acesso a esses benefícios na matéria: Benefícios do MEI: quais são e quem tem direito?

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!