Crédito consignado: para que serve e quais os prós e contras

Por Redação Azulis

Com juros baixos e desconto em folha de pagamento, entenda o que é crédito consignado e analise se essa é a melhor opção para você.

Quem tem o nome negativado sabe que isso é impeditivo para muitas coisas. Das mais situações corriqueiras como ter um cartão de crédito até mesmo as mais desejadas como o financiamento da casa própria. Se o seu caso é um dos que ter o nome limpo novamente faria toda a diferença, mas no momento você não tem dinheiro para quitar a dívida, o crédito consignado pode ser a solução que você espera.

Conhecido por ter um dos menores juros entre bancos e financeiras, o consignado é aquele pago com desconto em folha. Ele se mostra uma opção interessante para quem está com dívidas a juros exorbitantes. Assim, você se livra das altas taxas e passa a assumir uma menor. Com a vantagem do desconto mensal automático, sem risco de inadimplência.

>>> Veja também: Cartão para negativado: é possível – e vale a pena – obter?
Foi justamente para reduzir o endividamento de trabalhadores, que o crédito consignado foi criado por Medida Provisória (MP) em 2003, oferecendo uma opção de financiamento a juros mais baixos. A MP deu origem ainda a uma lei, que determina uma série de regras para a concessão do crédito. É um dos empréstimos mais populares, já que é pouco burocrático e mais barato do que os demais. 

O que é crédito consignado

O crédito consignado é uma maneira de empréstimo no qual o cliente autoriza a instituição financeira a descontar as parcelas devidas diretamente na folha de pagamento ou no benefício do INSS. Ele é voltado apenas para servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS, militares das forças armadas e trabalhadores assalariados de empresas privadas.

Esse desconto automático em folha acaba sendo uma garantia de que o credor receberá o dinheiro devido. Por isso, as taxas de juros são as mais baixas do mercado, além de oferecer outras facilidades.

Uma delas é a quantidade de parcelas. Elas chegam a 96 meses — oito anos — para servidores públicos, 72 meses para aposentados e pensionistas e 48 meses para funcionários de empresas privadas.

Outra facilidade é a rapidez com que o dinheiro cai em conta. A média é de que o pagamento ocorra entre 3 a 5 dias, mas há casos em que a aprovação e o repasse do empréstimo ocorrem no mesmo dia. Tudo depende da entrega correta dos documentos e da averbação.

Após a averbação, a fonte pagadora do salário, nesse caso a empresa ou o órgão público, ou do benefício (previdência social) precisa autorizar o desconto mensal das parcelas do salário. Somente assim o o empréstimo é  liberado na conta de quem o solicitou.

>>> Veja também: Empréstimo para PJ: aprenda aqui como fazer e as melhores opções.

O crédito consignado ainda tem mais uma vantagem. O cliente pode pedir quantos empréstimos desejar. Por lei, a margem consignável não pode comprometer mais do que 35% do salário — sendo 5% reservados apenas para dívidas com cartão de crédito.

Por isso, o pedido do crédito consignado depende do valor somado pelos empréstimos pedidos e não pela quantidade. Aqui vale ressaltar que, ao solicitar o consignado em uma ou mais instituições, as chances de se conseguir condições melhores vão diminuindo a cada análise.

Além destas facilidades, o grande destaque do crédito consignado são os juros baixos. A taxa média varia entre 20% a 35% ao ano. Há empréstimos que aplicam esse percentual ao mês, ultrapassando os dois dígitos no ano. 

Um deles é o do cheque especial que, mesmo com a diminuição da taxa mensal, chega ainda aos 300% anuais e a modalidade rotativa do cartão, quando o cliente não paga o valor integral da fatura na data de vencimento, que chega a 318% por ano. 

Vantagens e desvantagens do crédito consignado

Agora que você já sabe o que é crédito consignado, coloque na balança os prós e os contras deste tipo de empréstimo.

Vantagens 

Juros mais baixos: como o empréstimo é descontado em folha, a garantia do pagamento permite aos bancos e financeiras praticar juros menores. As taxas geralmente são pré-fixadas por isso os valores vêm no contrato.

Crédito aprovado rapidamente: pelo mesmo motivo dos juros mais baixos, que é o risco de inadimplência menor, o crédito costuma ser aprovado rapidamente.

Desconto automático: as parcelas são descontadas automaticamente do salário, por isso não existe o risco de atrasos, o que poderia gerar ainda mais encargos.

Baixo risco de inadimplência: como há o desconto automático em folha de pagamento, o risco de inadimplência é baixo.

Negativados podem pedir: geralmente instituições aceitam negativados. É uma boa saída para pegar um empréstimo e usá-lo para limpar o nome.

>>>> Veja também: CPF negativado? Veja se é possível tomar um empréstimo.

Desvantagens 

Salário vem sempre menor: todo fim do mês já é preciso contar com o salário mais baixo. A parte boa é que a parcela não pode ultrapassar 35% do salário original.

Data de pagamento das parcelas é fixa: as parcelas serão sempre pagas no dia que o salário cair na conta. Não é possível adiar parcelas nem mudar o vencimento.

Nem todo mundo pode pedir: o crédito consignado é destinado para alguns perfis como aposentados e pensionistas do INSS, servidores públicos, militares das forças armadas e trabalhadores com carteira assinada.

Como contratar o crédito consignado

Se para você o consignado apresenta mais prós do que contra, o primeiro passo para solicitar esse empréstimo é ir aos Recursos Humanos de onde trabalha, no caso de empresas privadas. Em seguida, deve-se solicitar os nomes das instituições financeiras com as quais a organização tem convênio e que oferecem crédito consignado. Com os nomes em mãos, procure a  opção mais vantajosa para você.

Funcionários públicos e beneficiários do INSS podem ir direto aos bancos que oferecem essa modalidade de crédito. O empréstimo pode ser solicitado presencialmente ou de maneira online. 

Os documentos pedidos geralmente são:

  • Documento de identificação com foto (RG ou CNH).
  • CPF.
  • Comprovante de residência.
  • Contracheque atualizado ou extrato do INSS. Para aposentados é necessário também um documento da conta no banco no qual o empréstimo vai ser depositado.

São mais de 50 bancos e instituições financeiras que oferecem esta opção como Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, Itaú, Bradesco e Santander. Bancos menores também têm essa modalidade como BV Financeira, BMG e Pan.

Apesar das facilidades e parecer uma modalidade bastante vantajosa, analise se é realmente isso é o que você precisa. Alguns fatores a serem considerados antes de assinar o contrato:

– Sua despesa é urgente ou inesperada? Seu nome está negativado e você precisa limpá-lo urgentemente, mesmo não tendo dinheiro para isso? Nestes casos o crédito consignado pode ser a melhor opção, devido aos juros baixos

– Você se enquadra no perfil para qual o empréstimo é oferecido? Funcionário público, aposentados e pensionistas do INSS, militares das forças armadas e  trabalhadores assalariados de empresas privadas. Caso não, há outras opções no mercado, como o crédito pessoal, mas os juros são bem maiores

– Fique atento aos riscos! O crédito consignado significa necessariamente que o seu salário virá menor todo mês, enquanto durarem as parcelas. Você conseguirá viver com a renda reduzida sem se endividar novamente? Cuidado para não assumir novos encargos e acabar ainda mais endividado.

– Se você trabalha em empresa privada precisa levar em consideração que, mesmo demitido, o empréstimo será cobrado.  A empresa poderá descontar até 30% do valor na rescisão, desde que esteja previsto em contrato

– Também não adianta chorar com o chefe que o mês foi ruim e precisará do seu salário integral. A empresa é obrigada a fazer o desconto.

Como vimos, o crédito consignado é uma excelente opção para eliminar dívidas e até mesmo adquirir bens. Gostou do conteúdo? Que tal ficar por dentro de mais dicas como essa? Assine a Newsletter da Azulis!

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!