Black Friday: estratégias para ser lembrado e para vender mais

Por Redação Azulis

A sexta-feira do ano mais aguardada pelo comércio é a oportunidade ideal para alavancar as vendas nesta reta final de 2019

Seguindo o embalo norte-americano, a sexta-feira mais aguardada do ano pelo comércio se aproxima. É a Black Friday, que em 2020 cai no dia 27 de novembro e pretende mais uma vez aumentar as vendas onlines e presenciais.

Cada vez mais incorporada à cultura brasileira, a Black Friday é amplamente esperada por consumidores que desejam aquele desconto especial para comprar algum produto, que não cabe no orçamento durante o restante do ano.

Por outro lado, a data é uma oportunidade única para alavancar as vendas nesta reta final do ano. Mas como vender mais na Black Friday? Para quem não quer deixar de lucrar e ainda pretende ganhar novos clientes, deve estar atento a estas dicas importantes. Elas vão ajudar a atrair mais público e a aumentar o faturamento do seu negócio.

Algumas dicas básicas para vender mais:

Quem não é visto não é lembrado

Aposte numa ampla divulgação do seu negócio.   Aposte no engajamento no Facebook e no Instagram, que são as principais redes sociais do momento. Invista em um conteúdo relevante e criativo. Comece a divulgar o quanto antes, assim, além de atrair mais público, já prepara o cliente para organizar o orçamento.
 

E-mail

Não se esqueça dessa importante ferramenta. Muitos consumidores ainda consideram o e-mail como uma maneira confiável de relacionamento com as lojas que eles gostam, ou uma fonte para saber das melhores ofertas. Pense em atrativos para chamar atenção e se destacar em meio a e-mails, entregando bons produtos com excelentes descontos na caixa de entrada do cliente.

Promoções reais 

Não transforme a Black Friday em uma black fraude. O consumidor e o Procon estão cada vez mais atentos. Muitas pessoas já começam a pesquisar os preços dos produtos que desejam semanas antes, para checar o real desconto na Black Friday. Promoções como “metade pelo dobro do preço” não colam mais e pegam muito mal.

Analise o preço dos concorrentes 

Com as facilidades de pesquisas de preço, o consumidor sabe quando o desconto oferecido foi muito menor do que em outros locais. Por isso, confira e analise o preço dos concorrentes. Faça isso o quanto antes para facilitar a definição de valor e as estratégias para chamar a atenção do consumidor. Mas também não é uma prática muito boa oferecer um produto por um preço muito abaixo do praticado. Analisando a concorrência é um bom termômetro para definir descontos reais e vantajosos para o cliente e você.

Avalie o seu estoque

Analise o seu estoque e converse com seus fornecedores. Se o produto naturalmente já tem boa saída, veja se o fornecedor tem capacidade de entrega na data certa, para não deixar você na mão.  Levante também quais são os produtos com mais chances de venda, analisando aqueles que já saem mais durante o ano.  

Mantenha seu foco na sexta-feira 

A semana que antecede a Black Friday pode ser aproveitada para fazer promoções diferentes e chamar atenção dos clientes, mas guarde o melhor para a sexta-feira, dia 29. Os próprios consumidores já esperam que os melhores descontos virão no último dia. Não os decepcione.

SAIBA+AZULIS – Como Vender Na Black Friday

Como vender mais na Black Friday?

Dicas para quem vende online

1. Valorize o seu cliente  

Quem vende produtos ou serviços na internet, bem provável tem uma cartela de clientes recorrentes. Que tal conceder a eles um desconto ainda mais alto do que aquele que será ofertado para quem está na sua loja pela primeira vez? Uma dica é dar esse mega desconto para pessoas que façam parte da sua lista de e-mails, ou para quem curte sua fanpage ou segue o perfil no Instagram.

2. Prepare-se para dispositivos móveis 

Os smartphones têm tomado cada vez mais o lugar dos computadores e na hora da compra não é diferente. A cada ano cresce o número de vendas pelos dispositivos móveis – smartphones e tablets. Tenha a certeza de que seu site é responsivo. Uma maneira de saber se seu site navega bem pelo dispositivo móvel é fazer o teste de compatibilidade do Google.

3. Coloque um contador de tempo  

Quanto menos tempo temos, mais rápido tomamos uma decisão. Por isso, que tal instalar um contador de tempo na sua página, para mostrar que aquele mega desconto está prestes a acabar? Existem maneiras simples de implementar um countdown em seu site. Converse sobre isso com sua equipe de desenvolvimento.

4. Aposte em um chat online  

Os chats online são simples de implementar e ajudam a tirar aquelas dúvidas de última hora antes do cliente fechar a compra. Zopim e Olark são bons sistemas de chat para você implementar em seu site.

5. Use o WhatsApp 

A ferramenta pode ser um bom potencializador de vendas. Quase todo mundo tem acesso ao WhatsApp, que é um importante canal de comunicação. Com ele o cliente pode tirar dúvidas e fechar negócios.

6. Não dê chances para atrasar o frete

Converse com as transportadoras e poste o quanto antes as encomendas fechadas na Black Friday. É natural que as pessoas esperem atraso na entrega de produtos comprados neste dia. Surpreenda seu cliente e forneça todas as informações corretas sobre prazos de entrega.

7. O seu site está bem preparado?

De nada adianta estar com a mercadoria preparada, se o seu site não aguenta a quantidade de pessoas online. Certifique-se com o seu desenvolvedor que a sua plataforma estará em pleno funcionamento no dia e faça as mudanças necessárias, evitando lentidão e quedas de páginas na sexta-feira.

Dicas para quem vende no PDV

1. Equipe bem preparada 
O bom atendimento é fundamental no sucesso de vendas. Numa data como a Black Friday ele é ainda mais importante. Se a ideia é ter a loja cheia, a equipe deve estar ciente de que a demanda vai aumentar neste dia. Além disso, os funcionários devem estar bem informados quanto aos produtos com descontos, e oferecer ao cliente promoções além dos produtos que eles estejam procurando.

2. Infraestrutura adequada  
Se a ideia é loja cheia, vale verificar se o local está adequado para receber mais clientes. Se a quantidade de caixas está ideal e se o espaço está confortável para a demanda.

3. Black Friday na vitrine 
Chame atenção da clientela já pela vitrine, sinalizando os produtos que estão com desconto por causa da data. Isso vai ajudar a chamar mais pessoas para dentro do estabelecimento.  No interior da loja, também é importante sinalizar os itens com desconto.

4. Aposte em experiências  
Promoções exclusivas são instrumentos valiosos para relacionamentos de fidelidade. Elas garantem que o cliente permaneça cativo entre o contato online e o caminho até o PDV. Aposte na comunicação próxima e personalizada tanto fora quanto dentro da loja. Use dados adquiridos, como nome, idade e compras anteriores, para acertar na oferta. Aquele código especial, vinculado a um CPF ou CNPJ específicos, tem muito mais valor do que a promoção para todo mundo. Peça ao seu cliente para levar este Código até a loja mais próxima em troca do benefício.

Planeje a Black Friday

Por ser muito aguardada por consumidores e gerar grande expectativa, a Black Friday é uma data que exige bastante planejamento para quem está vendendo o produto. Só assim se consegue evitar situações que podem frustrar os clientes, como um produto esgotado em pouco tempo, ou ter o site fora do ar, devido ao tráfego de pessoas.

Vale ainda ressaltar que a Black Friday cai no fim do mês e muitos consumidores podem não ter dinheiro para as compras. Então, crie um engajamento prévio, divulgue os descontos pretendidos, anuncie que no dia 27 seu negócio vai participar da Black Friday e garanta ótimas vendas.
 

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!