Como montar um pet shop: 6 passos para um negócio de sucesso

Por Redação Azulis

Aprender como montar um pet shop está na pauta de todo aquele que ama os animais e deseja empreender.

Petshop

Muitos pensam em ter um pet shop não apenas pela afinidade com os bichinhos, mas também pelo retorno estimado. Afinal, estamos falando sobre um mercado já em alta e que segue promissor. Não é exagero dizer que um pet shop é um negócio que não conhece crise. Tanto é  assim que esse é um dos segmentos que mais crescem no país, segundo revelou uma pesquisa do SPC Brasil e CNDL.

Ficou interessado e quer saber mais sobre como montar um pet shop? Então, acompanhe o artigo!

Se especialize e seja um empreendedor de sucesso!

Confira a lista que preparamos com os melhores cursos para você! Política de Privacidade

Acesse seu E-mail para baixar o conteúdo.

Como montar um pet shop: passo a passo

Construímos um passo a passo bastante didático, com tudo o que você precisa para aprender como montar um pet shop e ter sucesso nesse projeto. Acompanhe!

1. Pesquisa de mercado

Mesmo sendo um segmento em franco crescimento no mercado nacional, é importante que você faça uma pesquisa de mercado na sua região. Afinal, você precisa considerar as particularidades que a sua empresa vai enfrentar. Entre elas, avalie quem são seus concorrentes, quais serviços eles oferecem, preços praticados, público-alvo, entre outras variáveis.

2. Ponto comercial

Com a pesquisa de mercado, você terá uma ideia mais clara sobre onde estão os seus potenciais clientes e qual a localização mais estratégica para abrir o pet shop. O ponto comercial deve ser de fácil acesso e, se possível, contar com estacionamento próximo.

Além disso, o local deve comportar a estrutura completa dos serviços que você pretende prestar, o que compreende:

  • Piso impermeável em toda a estrutura
  • Ambiente para tosa e secagem
  • Ambiente arejado e de fácil conservação e limpeza
  • Instalações elétricas adequadas para o uso de secadores e sopradores
  • Área destinada para o abrigo de animais
  • Ambiente com temperatura adequada.

Você precisa ficar atento ainda às normas, como a Resolução 1.069/2014, do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), que disciplina a adequação do ambiente para receber os animais.

SAIBA+AZULIS: Inauguração de loja: principais etapas e ideias criativas

3. Equipamentos

Depois de achar o ponto ideal, é hora de pensar nos equipamentos para a montagem do pet shop. Para o caso de banho e tosa, você vai precisar dos seguintes itens:

  • Pia para banho
  • Bancada de tosa e secagem
  • Máquina e lâminas de tosa
  • Soprador
  • Armários para toalhas e produtos de higiene dos animais;
  • Acessórios (pentes, coleiras, sapatinhos, lacinhos, gravatinhas, talcos, etc).

Lembrando que, quanto mais serviços oferecer, maior será a necessidade de estrutura para isso.

4. Equipe

Não há como montar um pet shop sem os profissionais indicados para cada tarefa. Para começar, se você não for um médico veterinário, terá de contratar um.  Ele será responsável pelos cuidados com os animais e também pela venda de artigos, como alimentos, remédios e serviços veterinários, incluindo banho e tosa.

O profissional deve ficar na loja pelo menos seis horas por semana, e vai assinar como responsável técnico, seguindo toda a normatização do setor, o que inclui a Lei nº 4950-A e outras resoluções do CFMV: 582, 670 e 683, além da Portaria 301.

Também cabe a ele atender os clientes, tirar dúvidas e transmitir orientações à equipe de trabalho. Além do médico veterinário, você vai precisar de pelo menos um atendente para a recepção e de um tosador e banhista para os serviços de banho e tosa.

5. Produtos

Você pode aumentar a margem de faturamento do seu pet shop ao oferecer produtos para os animais. Os mais procurados são:

  • Medicamentos veterinários
  • Rações
  • Biscoitos
  • Serviços (hospedagem, creche, banho e tosa, taxipet, dog walker, etc.).

6. Exigências legais

Já destacamos que não há como montar um pet shop sem cumprir as regras, mas as exigências legais não param por aí. Veja outras que você deve atender no seu estabelecimento:

  • Inscrição do CNPJ
  • Registro na Junta Comercial, em caso de sociedade
  • Inscrição na Prefeitura para conseguir o alvará de localização
  • Registro no Departamento de Defesa Animal
  • Registro no Sindicato Patronal
  • Registro na Secretaria da Fazenda

Cuidados ao montar um pet shop

Ao seguir todas as dicas que você viu até aqui, você dá um importante passo para ter seu pet shop funcionando com sucesso. Mas há outras preocupações a atender. Não dá para se descuidar das finanças, por exemplo.

Antes mesmo de iniciar a nova empresa, é preciso estimar o investimento necessário. Ele varia bastante, mas você pode começar um negócio no ramo com cerca de R$ 30 mil.  Esse valor contempla uma estrutura básica com o serviço de banho e tosa, em um ponto comercial mais modesto, com algumas mercadorias para chamar a atenção do cliente e com o mínimo de pessoal contratado.

Quer saber como montar um pet shop de maior porte? Considerando um negócio em localização intermediária e estrutura mais sofisticada, seu investimento inicial fica em torno de R$ 80 mil.  Para essa empresa, considere contratar mais funcionários e também fazer uma boa divulgação da marca e dos serviços.

É uma forma de agregar valor e aumentar a sua margem de lucro.

Como estimativa de custos, veja valores aproximados por despesa:

  • Aluguel de loja: R$ 6 mil
  • Reforma da loja: R$ 26 mil
  • Contratação de Pessoal: R$ 7 mil
  • Compra de equipamentos: R$ 10 mil
  • Itens para estoque: R$ 8 mil
  • Taxas e impostos: R$ 2 mil
  • Mobiliário: R$ 9 mil
  • Divulgação dos serviços: R$ 3 mil
  • Capital de giro: R$ 9 mil

Nesse exercício, o investimento total alcança os R$ 80 mil estimados antes. Por outro lado, se você deseja ser referência no seu segmento, oferecendo uma boa experiência para o seu cliente e, portanto, também vender valor, o seu investimento pode chegar a R$ 500 mil.

SAIBA+AZULIS: Fachada de loja: 5 dicas para a sua fazer sucesso

Para garantir o sucesso do empreendimento, independente do porte ou tamanho, é fundamental separar um capital de giro para os próximos 24 meses, pois é a partir desse prazo que o investimento começa a dar retorno.

Agora que já sabe como montar um pet shop, você tem muito a planejar, não é verdade? Coloque em prática o que aprendeu neste artigo, siga acompanhando os conteúdos da Azulis e conheça nossa plataforma para se inspirar e vender mais de forma fácil.

Quer ser um empreendedor bem-sucedido?

Saiba como registrar sua marca neste guia exclusivo que preparamos para você! Política de Privacidade

Acesse seu E-mail para baixar o conteúdo.

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!