Mix de produtos: o que é, importância e como criar o seu

Por Redação Azulis

Criar um bom mix de produtos é essencial para maximizar os ganhos e minimizar as perdas da sua empresa. Descubra como fazer isso.

Uma empresa que não varia suas ofertas e que não investe em inovação corre grandes riscos de ficar para trás no mercado.

Perceba que até mesmo as grandes companhias, como a Coca-Cola, estão apostando em novidades para se manter na crista da onda, incluindo até mesmo uma marca de produtos de moda, além das bebidas. Por causa disso, é fundamental planejar bem o seu mix de produtos.

Para entender melhor o que é o mix de produtos, sua importância e como ele pode ser planejado, continue lendo nosso post!

O que é mix de produtos?

O conceito de mix de produtos se refere à variedade de itens ofertados por uma empresa. Trocando em miúdos, ele diz respeito à diversidade de produtos que um cliente encontra em sua loja ou que são produzidos por sua marca.

Pensando nos 4 P’s do Marketing, que definem quatro prioridades nas quais sua empresa deve focar para vender bem, o mix se insere no P de produtos. Segundo essa estratégia, é necessário escolher os produtos certos para atingir em cheio seu público-alvo.

Nesse sentido, ressaltamos, então, que não basta atirar para todos os lados e oferecer uma infinidade de coisas diferentes.

O mix de produtos deve ser definido de forma estratégica, pensando em ampliar a sua abrangência, mas também focando em itens que vão atender ao seu público-consumidor.

Se seu mix for mal planejado, você pode gerar problemas como um estoque excedente, repleto de produtos encalhados, o que traz como consequência uma dificuldade de armazenamento e, é claro, perda de dinheiro.

Como exemplo prático, podemos observar o caso da Riachuelo, loja de departamento brasileira. A empresa iniciou suas atividades apostando no ramo do vestuário, oferecendo roupas para adultos e crianças. Ao longo do tempo, seu mix de produtos se ampliou, incluindo sapatos e itens de cama, mesa e banho. Hoje em dia, existe até mesmo uma linha de decoração para casa.

Razões para criar um bom mix de produtos

Ser uma empresa de um produto só dificilmente é uma estratégia de sucesso, principalmente porque há grandes chances de outras empresas da concorrência oferecerem o mesmo item. Mas esse não é o único motivo para investir na criação de um mix de produtos.

Para saber mais sobre as vantagens, confira as razões que nós elencamos abaixo!

Expansão de mercado

Oferecer novos produtos tem como consequência direta atingir novos públicos, o que faz com que sua empresa amplie a atuação no mercado. Sabendo disso, pense em produtos que têm a ver com sua oferta atual, mas que trariam novos consumidores para a sua empresa. Uma loja de produtos para o lar, por exemplo, pode começar a apostar em produtos de limpeza.

Aumento da competitividade

Se você amplia sua oferta de produtos, também atinge novos setores e garante uma melhor competitividade no mercado. Sabendo disso, fique de olho nos seus principais concorrentes e observe o mix de produtos que eles oferecem.

Fidelização do consumidor

As pessoas têm cada vez menos tempo disponível para sair de loja em loja em busca de produtos ou serviços. Por isso, quando você consegue criar um mix que atende a diferentes necessidades do seu público-consumidor, há muito mais chances de garantir a fidelização.

Aumento da lucratividade

Essa vantagem é uma consequência de todas as outras que nós citamos anteriormente. Afinal, depois de ampliar sua atuação no mercado, você naturalmente vai conquistar e fidelizar novos clientes e a receita da sua empresa vai se tornar maior, o que indica um maior lucro.

Como criar um mix de produtos ideal

Depois de entender os motivos para ter um mix de produtos estratégico, você deve estar se perguntando como dar o primeiro passo para isso. Pensando em ajudar nessa tarefa, nós indicamos abaixo alguns passos que você deve dar. Confira!

Conheça seu público

Esse é um passo importante para dar início a qualquer tipo de estratégia na sua empresa. Afinal, é fundamental conhecer quem são seus clientes para saber quais as principais necessidades e, assim, fazer modificações na sua empresa visando ao sucesso.

Quando estamos falando do mix de produtos, conhecer seu público pode ajudar a descobrir quais os produtos mais consumidos e como você pode expandir a sua oferta.

Fique de olho na concorrência

Assim como você, seus concorrentes devem estar em busca de melhorias para garantir espaço no mercado e conquistar a preferência dos consumidores. Sabendo disso, fique sempre de olho nos novos produtos que eles estão oferecendo e tente sair na frente, trazendo itens inovadores e exclusivos para sua loja ou marca.

Verifique seu histórico de vendas

Se você tem registro de suas vendas, ele pode ajudar a identificar os tipos de produtos com maior ou menor saída, para conhecer o padrão de consumo de seus clientes. Com esses dados, tem-se a possibilidade de investir mais nos itens que têm maior procura e descontinuar itens que ficam encalhados.

Escolha produtos relacionados

Quando falamos em variar a oferta, não estamos falando sobre oferecer produtos que não têm uma ligação entre si. É muito importante que haja coerência entre os produtos da sua marca. Afinal, os consumidores não vão a uma loja de construção em busca de roupas, não é mesmo?

Para entender melhor esse ponto, você pode observar as gôndolas de supermercados. Perceba que os corredores são definidos pelos tipos de produtos que se encontram por lá, mas eventualmente você encontra outros itens estrategicamente posicionados, como molho de tomate no corredor de massas.

Como você acabou de ver, definir o mix de produtos não passa apenas por ofertar o maior número de itens, mas por criar uma estratégia e saber como atingir o público para ter sucesso nessa empreitada.

Depois de descobrir a importância de ter um bom mix de produtos em sua empresa, que tal continuar atualizando seus conhecimentos para garantir uma boa posição no mercado? Confira nosso post sobre como fazer um bom planejamento para vendas!

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!