Como montar uma transportadora? Confira as melhores dicas!

Por Redação Azulis

Como-montar-uma-transportadora

Muitos negócios dependem de transporte para que seu produto chegue com qualidade e segurança para seus distribuidores, pontos de venda, clientes e parceiros.

Ao perceber essa oportunidade no mundo da logística, muitos empreendedores desejam começar seu próprio negócio. E, por isso, pode surgir a dúvida: como montar uma transportadora?

Saiba por onde começar!

Como montar uma transportadora: comece definindo seu segmento

Para dar o primeiro passo para a sua própria empresa de transportes, é necessário responder algumas perguntas para entender melhor qual será o segmento que você vai atender, quais áreas irá cobrir e quais serão a estrutura e os equipamentos adequados para isso acontecer.

Algumas das perguntas relevantes podem ser:

  • Sua carga vai ser química ou líquida?
  • Você vai precisar transportar cargas pesadas?
  • Vai trabalhar com mudanças?
  • Você vai trabalhar com algum tipo de carga de teor perigoso?
  • Vai precisar cruzar rodovias estaduais ou outros países?
  • A mercadoria transportada vai ser perecível?
  • A carga transportada vai ser fracionada?

Ter essas respostas vai ser indispensável para você ter uma visão mais ampla sobre o seu quadro de funcionários ou colaboradores contratados, qual é o tipo de frota de veículos que melhor funciona, quanto você deve cobrar e qual vai ser o seu público-alvo.

SAIBA+AZULIS: Análise SWOT: o que é, como interpretar e suas principais vantagens

Qual é a sua estrutura?

Agora que você já tem noção com o que a sua transportadora vai trabalhar, é preciso pensar na estrutura adequada para fazer a sua empresa operar da melhor forma possível.

A estrutura básica é de um galpão com garagem para armazenagem de carga e para os veículos, de um escritório para cuidar da parte administrativa e dos veículos, se for o caso.

O empreendedor deverá analisar a sua situação e constatar se é melhor que ele tenha veículos próprios com uma equipe contratada ou se seria o caso de terceirizar motoristas com veículos.

Cada caso tem suas particularidades: com equipe e veículos próprios, você tem liberdade para manter um padrão e maior controle. Em contrapartida, seus custos seriam maiores.

Com motoristas terceirizados, o valor de manutenção seria menor, mas há menos controle do transporte e você terá menos autonomia.

É importante que você avalie o custo-benefício de cada opção antes de decidir. Contudo, em qualquer uma das situações, vale considerar fazer um seguro patrimonial.

Além dos motoristas, considere também os custos e a estrutura para manter uma equipe responsável pela administração, além de carregadores, vendedores e gerentes.

Eles vão precisar de quais equipamentos de trabalho? O local será alugado ou próprio? Após fazer essas perguntas, levante qual seria o investimento estimado.

Documentação necessária

Outra etapa muito importante sobre como montar uma transportadora é saber que você precisa ter documentos e licenças em mãos para operar dentro da legislação.

É recomendado que você tenha o auxílio de um advogado ou contador para saber exatamente o que vai precisar para a sua empresa mas, na maioria dos casos, o que a empresa precisa é de:

  • Um CNPJ;
  • Inscrição estadual;
  • Alvará de funcionamento;
  • Razão s ocial e responsável legal;
  • Contrato na Junta Comercial;
  • Endereço.

SAIBA+AZULIS: Plano financeiro: saiba o que é e como fazer

Faça um bom plano de negócios

Uma das etapas mais importantes para começar uma empresa de sucesso é fazer um plano de negócios completo. Por meio dele, você confirma se o seu negócio é viável, além de facilitar o seu trabalho nos passos iniciais da empresa, evitando erros e riscos desnecessários.

Com o plano de negócios, você consegue reunir informações detalhadas sobre o seu serviço, concorrentes, fornecedores e parceiros. Com isso, o empreendedor tem uma visão mais ampla de quais são os seus pontos fortes e fracos, analisando cada cenário com mais precisão e podendo elaborar as melhores estratégias.

Você pode contratar uma assessoria contábil ou entrar em contato com o Sebrae para ter ajuda, mas algumas perguntas que você pode responder para começar a traçar seu plano de negócios são: seu público-alvo, qual será a área de cobertura, qual é o seu capital, qual sua previsão de faturamento mensal e qual é o seu segmento.

O artigo foi útil? Agora, que tal saber mais sobre assuntos relacionados a negócios? É muito fácil! Acesse o site da Azulis e confira!

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!