Melhore a estratégia do seu negócio com o Modelo Canvas

Por Redação Azulis

O Modelo Canvas é uma ferramenta que pode ajudar você a melhorar a estratégia do seu negócio, sendo utilizado de maneira informal no dia a dia da sua empresa.

Modelo-Canvas

Se você está começando e já tem um plano de negócios ou está elaborando um, o Modelo Canvas pode ajudar você e a sua equipe a terem mais clareza sobre as estratégias para o funcionamento da sua empresa.

O Modelo Canvas é uma ferramenta simples, que pode ser usada no dia a dia de forma bastante dinâmica. Ela permite que todos entendam os aspectos principais e relevantes para a estrutura do negócio.

Se você quer entender melhor o que estamos falando, continue lendo este artigo que preparamos para você.

SAIBA+AZULIS: Planejamento estratégico da empresa: 7 passos para decolar

O que é o Modelo Canvas?

O Modelo Canvas pode ser entendido como um mapa em que é possível descrever detalhadamente aspectos chave do plano de negócios da empresa. Dessa forma, com o seu uso, fica mais fácil entender os elementos principais do negócio.

Ele foi criado pelo suíço Alexander Osterwalder, que utilizou ferramentas de design thinking para criar uma forma simples e dinâmica de visualizar, em blocos relacionados, o que toda a equipe precisa entender sobre o negócio.

O Modelo Canvas é uma ferramenta colaborativa, em que é possível fazer alterações com facilidade. Por isso, ele é muito útil para negócios que estão começando ou que têm flexibilidade para sofrer alterações.

Os quatro pilares

No Modelo Canvas são detalhados nove elementos agrupados em quatro pilares principais, frequentemente identificados usando-se cores. Os quatro pilares são:

  • Infraestrutura – contempla informações sobre como deve ser implementado o negócio, ou seja, quais são as atividades-chave, os recursos-chave e a rede de parceiros.
  • Oferta – explicita o que será oferecido pelo negócio, quais são os produtos e serviços que serão vendidos.
  • Clientes – direciona para quem serão vendidos os produtos ou serviços, ou seja, quem é o público-alvo, e quais as estratégias e ferramentas para utilização dos canais de fornecimento e de relacionamento com o cliente.
  • Finanças – responde quanto vai custar a operação da empresa e quanto ela pode gerar de receita.

Podem ser montados quadros físicos, em que são usados post-its para a descrição de cada elemento, lousas, ou até mesmo ferramentas online, o que torna muito fácil tanto sua visualização quanto edição.

Vantagens do Modelo Canvas

Usar um Modelo Canvas traz mais agilidade para a estratégia da empresa devido à flexibilidade e facilidade de uso e compreensão. É possível ter uma visão geral do negócio e, ao mesmo tempo, analisar por partes.

Qualquer membro da equipe pode visualizar o quadro e é possível fazer alterações de forma dinâmica. Dessa forma, a comunicação é simplificada e a criatividade é estimulada.

Esse contexto permite que todos compreendam como o negócio gera valor e possibilita que a estratégia da empresa seja mais organizada e objetiva. Isso pode torná-la ainda mais competitiva.

SAIBA+AZULIS: Estratégia competitiva: o que é, exemplos e como criar a sua

Como montar um plano de negócios?

O Canvas é uma ferramenta cada vez mais utilizada para montar um modelo de negócios, ou seja, uma descrição para os elementos do negócio em si.

O plano de negócios precisa ser feito após a elaboração do Canvas, para avaliar a viabilidade do que estiver descrito no quadro.

Resumidamente, o plano de negócios contempla as informações do Modelo Canvas, mas de maneira mais complexa e aprofundada. É neste documento que estarão as estratégias de mercado, vendas e de marketing, por exemplo, assim como os possíveis riscos e soluções.

Como implementar um Modelo Canvas?

Para elaborar um Modelo Canvas, existem diversas ferramentas disponíveis na internet. Elas consistem, basicamente, em um quadro com nove blocos que descrevem os elementos fundamentais do negócio.

O Sebrae Canvas é uma dessas ferramentas, que pode ser acessada de forma gratuita. Com ela, é possível fazer um Modelo Canvas que fique disponível digitalmente. A cartilha do Sebrae ajuda a montar o modelo de negócios.

Destacamos os principais pontos a seguir para ajudar você a começar. Independente da ferramenta que você decidir utilizar, os nove blocos do mapa são:

  1. Proposta de valor: esse bloco é muito importante, pois é aqui que você deve descrever o que oferece aos clientes por meio do seu negócio. O que você oferece melhora a qualidade de vida dos clientes, resolve um problema, atende a uma necessidade? Existem diversos motivos pelos quais os clientes podem escolher adquirir o produto ou serviço do seu negócio, e você deve ter clareza sobre quais são esses motivos.
  2. Segmentos de clientes: qual é o perfil dos clientes que você tem a intenção de atender? Você vai atender diversos tipos de pessoas, ou um grupo de pessoas com algumas características específicas? É preciso ter clareza sobre quais são as características dos seus clientes potenciais (público-alvo).
  3. Canais: são os meios pelos quais os clientes chegam ao seu produto ou serviço. Podem ser canais da sua própria empresa ou terceiros que vendam seus produtos ou serviços.
  4. Relacionamento com clientes: são os meios pelos quais você mantém relação com seus clientes, como atendimento por telefone, atendimento por e-mail, serviços automatizados, entre outros.
  5. Fontes de receita: como o seu negócio vai gerar receita? Existem diferentes modelos, como vendas diretas, aluguel, assinaturas, anúncios. É preciso entender o que faz mais sentido de acordo com o serviço ou produto que você oferece.
  6. Custos: você precisa detalhar todos os tipos de custos que serão necessários para permitir o funcionamento do seu negócio e qual a estratégia utilizada, como redução de gastos ou foco na escala de vendas.
  7. Recursos: do que você precisa para fazer o seu negócio funcionar? Aqui entram os recursos humanos, físicos, intelectuais e financeiros.
  8. Atividades principais: quais são as principais atividades realizadas no dia a dia da empresa para que o negócio funcione? Pode ser produzir alguma coisa ou resolver problemas dos clientes, por exemplo.
  9. Parcerias principais: quais serão os seus principais fornecedores e parceiros? Podem ser pessoas ou empresas que realizam um serviço, como contabilidade, ou fornecem um equipamento, por exemplo.

Continue navegando no site da Azulis

Agora que você já tem uma boa ideia sobre como construir um Modelo Canvas para o seu negócio, além de entender como fazer um bom plano de negócios, você pode também compreender melhor como fazer um plano financeiro e um modelo de planejamento estratégico.

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!