Revenda consignada: o que é, vantagens e como adotar

Por Redação Azulis

Quer entender melhor o que é revenda consignada? Confira o nosso guia para descobrir suas vantagens e como aplicá-la na prática.

Revenda consignada

Muitos empreendedores precisam gastar muito tempo em definir quais os produtos que serão comercializados em seus estabelecimentos todos os meses. Com uma cartela mais diferenciada, pode se tornar custoso comprar tantos itens diferentes.

Neste texto, será mostrado como a revenda consignada pode permitir que um varejista consiga oferecer um mix de produtos aos seus clientes de uma maneira bem mais barata e mais lucrativa.

O que é revenda consignada?

De maneira resumida, a revenda consignada acontece quando um vendedor permite ou deixa os seus produtos à venda em uma terceira instituição. Entretanto, caso existam produtos que acabem não sendo vendidos, o comerciante final não tem a responsabilidade de pagar por eles.

Essa é uma estratégia bastante utilizada por pequemos empresários que criaram seus produtos mas não contam com meios para divulgá-los e potencializar sua marca, por isso, fazem parcerias com varejos e atacados mais populares.

Caso o estabelecimento consiga vender todos os produtos, será acordada uma data para realizar o pagamento das vendas recebidas, retirando a porcentagem de comissão por parte do atacadista ou varejista em questão.

Com relação aos produtos não vendidos, eles serão devolvidos ao fornecedor, que poderá dar outros fins a essa mercadoria ou tentar revendê-la novamente, caso isso seja possível.

Essa é uma estratégia de vendas bastante benéfica para ambos os lados, ao mesmo tempo que produtor e varejista podem construir uma parceria duradoura e que forneça o aumento de lucros para todos os envolvidos.

SAIBA+AZULIS: Produtos consignados: o que vender nesse negócio

Como funciona a revenda consignada

Agora que você entendeu o que é a revenda consignada, veja a seguir como ela funciona na prática para os principais personagens dessa história: o produtor, a pessoa responsável por fornecer esse produto, e o lojista, que ficará encarregado de fazer a vendas dessas mercadorias.

Para o produtor

O produtor é quem criará todo o produto, desde a sua composição até a embalagem, nome e slogan. Ele será detentor de todos os direitos do produto. Além disso, também é o responsável por procurar e conversar com os futuros lojistas ou atacadistas.

Para o lojista

O lojista é a pessoa que conta com um empreendimento já consolidado no mercado e tem um considerável número de vendas em seu estabelecimento. Ele receberá os produtos oferecidos pelo produtor totalmente de graça, para que possa revender em seu mercado com os demais produtos.

Ao final de um mês ou outro período de tempo estabelecido por ambos, ele receberá uma comissão pelos produtos vendidos em seu estabelecimento, além de precisar devolver os produtos que não foram comercializados.

SAIBA+AZULIS: Script de vendas: aprenda a montar o seu agora!

Vantagens da revenda consignada

O processo de revenda consignada pode oferecer diversas vantagens para ambos os lados. Para entender mais como isso funciona, confira a seguir quais os benefícios dessa estratégia.

Vantagens para o produtor

Confira algumas das vantagens da revenda consignada para o produtor

Maior alcance de marca

O produtor, ao ter seus produtos vendidos em um ou mais estabelecimentos, terá o alcance da sua marca aumentado e com custos quase nulos, já que só precisará pagar a comissão pelas vendas.

Mesmo que um frequentador do estabelecimento não compre o item em questão, ele poderá conhecer a marca e testá-la futuramente, o que é uma estratégia bastante efetiva a longo prazo.

Maior abrangência de mercado

É possível comercializar seus produtos em diversos estabelecimentos da cidade ou regiões próximas. Com isso, o produtor terá o seu mercado ampliado e poderá alcançar cada vez mais clientes.

Conforme foi mencionado anteriormente, os custos, em relação aos benefícios, são baixos, já que, independentemente do número de empreendimentos que terão seus produtos comercializados, só será pago o valor da comissão.

Aumento no faturamento

Logicamente, com uma maior quantidade de estabelecimentos comercializando o seu produto, a probabilidade é de que mais itens sejam vendidos e o produtor ganhe mais dinheiro.

Esse valor poderá ser reinvestido na melhoria dos produtos, levando em conta os feedbacks oferecidos pelos primeiros clientes ou na expansão do seu próprio negócio por meio da criação da sua primeira loja.

Vantagens para o lojista

Os lojistas também acabam recebendo vantagens por aceitarem esse tipo de negociação. Confira a seguir algumas delas.

Redução de custos

A venda de produtos vindos de uma revenda consignada é diferente dos comprados diretamente com distribuidoras. Por conta de o acordo ser mais simples, os custos chegam a ser menores (ou até mesmo nulos, já que não é preciso, necessariamente, comprar os produtos).

Além disso, a empresa também não precisa se preocupar em pagar os produtos que não forem vendidos ou encontrar um jeito para que eles não virem “prejuízo”. Assim, a negociação se torna bastante segura para o lojista.

Manutenção de estoque facilitada

Como não será necessário ficar com os produtos que não foram vendidos, o estoque poderá ter mais espaço para a realocação de produtos que tenham uma taxa de venda maior, ou até mesmo para abrigar outros itens vindos de uma revenda consignada.

Além disso, também não será necessário ter um controle muito grande sobre os produtos que estão sendo vendidos, sobretudo a realização de recálculos de valores ou estratégias para cobrir eventuais prejuízos.

Maior variedade de mercadorias

Um dos grandes pontos positivos de diversas pessoas preferirem compras em varejos ou atacados é a grande variedade de produtos que podem ser encontrados em um só local, o que resulta em uma economia de tempo.

Como adquirir produtos acaba sendo mais barato por meio da revenda consignada, a sua empresa poderá oferecer uma diversidade maior de itens, o que chamará a atenção de atuais e novos clientes.

Melhoria no fluxo de caixa

Retomando o fato de que o varejista não precisará ter nenhum custo com a revenda consignada, o seu fluxo de caixa é melhorado, pois ele apenas receberá, ao final do mês, a sua comissão pelas vendas realizadas.

Portanto, caso você tenha um negócio e esteja pensando em maneiras de diminuir seus custos com a compra de produtos, ao mesmo tempo que oferece a oportunidade de novos produtores conheceram mais os seus produtos, começar a participar de revendas consignadas pode ser uma ótima opção.

E então, gostou do texto? Então confira este outro artigo em nosso blog no qual explicamos como fazer uma boa gestão de vendas!

As informações foram úteis?

Você não achou esse artigo útil.
Nos ajude a melhorar! Como podemos tornar esse artigo mais útil?
Agradecemos pelo seu feedback!